FELIPE MUJICA
32 Bienal de São Paulo - Incerteza Viva

Pavilhão da Bienal, São Paulo, Brasil

07.09.2016 - 11.12.2016

Felipe Mujica participa da 32a Bienal de São Paulo – Incerteza Viva, com curadoria geral de Jochen Volz.

Mujica apresenta o trabalho Las Universidades Desconocidas [As Universidades Desconhecidas], constituído por um grupo de 30 cortinas feitas por duas equipes diferentes: metade no centro de São Paulo e a outra metade na periferia da cidade. O título vem de um livro de poemas do escritor chileno Roberto Bolaño, que propõe algo como um lugar abstrato com o qual todos podem se relacionar, nos remete à autonomia, sugere como uma pessoa é basicamente sua própria guia. O artista relata que na sua estadia em São Paulo as viagens entre o centro e a periferia foram a sua Universidade Desconhecida, assim como construir o trabalho num diálogo horizontal com os fabricantes e toda a experiência vivida durante esse processo.

O público também traz as suas próprias universidades desconhecidas que acabam projetadas no trabalho: as cortinas são manipuláveis, o público pode tocá-las e move-las no espaço formando diversas combinações entre elas. Esse próprio gesto de interagir com a obra é por si só um ato de aprendizagem, uma oportunidade. Ao final dos 3 meses de exposição, as cortinas estarão possivelmente gastas e sujas, após um período de múltiplas configurações criadas e vivenciadas pelo público.

http://www.32bienal.org.br/